novembro 24

0 comments

O que é Reiki? Benefícios, onde se aplica e origem.

Reiki é uma técnica de harmonização e reparação energética, ela age no corpo como um todo trabalhando á nível físico, mental, emocional e espiritual.

Essa técnica foi desenvolvida no século XX no Japão através do Mikao Usui e, de forma gradual, foi divulgada em todo o resto do mundo.

A técnica utiliza a imposição das mãos para ser aplicada. Para se tornar um reikiano é necessário fazer pelo menos o nível 1 e ser sintonizado por um mestre habilitado!

Por ser extremamente benéfico e ter a eficiência comprovada, o reiki pode ser usado em paralelo a outros tratamentos e em qualquer forma de vida do planeta. Então, conheça mais sobre!

Mas afinal, o que é?

Reconhecido pela Organização Mundial de Saúde (OMS) como terapia alternativa, o Reiki consiste em um método extremamente poderoso de cura por meio da energia. 

Não é um sistema religioso, não possui restrições ou tabus. É uma técnica vibracional, não é físico, nem mental, nem espiritual, é energético.

A energia REIKI não é polarizada. Não tem positivo (Yang) ou negativo (Yin). Sendo assim, pode ser usado por uma criança, pessoas idosas, grávidas e até doentes, ou seja, todos podem ser canais da energia. É uma prática segura e eficiente.

Sendo despolarizada, trabalha conjuntamente com qualquer outra forma de terapia, incluindo medicamentos, quimioterapia, cirurgia, homeopatia, acupuntura, etc. É uma energia inofensiva, sem efeitos colaterais e sem contraindicações.

Portanto, o reiki trata o corpo como um todo, trabalhando as suas emoções, clareando a mente, te ligando com o seu eu superior.

Assim, ele é uma energia pronta, consciente, auto regulada e disponível. É a energia que faz as coisas crescerem, que faz o dia nascer e tudo se renovar. 

A palavra REIKI é a junção de suas palavras:

  1. Energia Rei – A energia cósmica, espiritual, que está em toda parte, permeando todas as coisas existentes;
  2. Energia Ki – Energia biológica e fisiológica, sendo conhecida como energia vital individual que flui em todos os organismos vivos e que mantém a todos funcionando.

Dessa maneira, o Reiki é a junção da energia universal com a energia vital, que é responsável por harmonizar toda a energia existente.

Ao se tornar um reikiano sendo sintonizado por um mestre habilitado, você passa a ser uma grande bateria para administrar essa energia, harmonizando você e outras pessoas. 

O Reiki relaxa as partes do corpo com as quais ele tem permissão de entrar em contato. O relaxamento é seguido pela estimulação do metabolismo, visto que uma nova vitalidade flui para o organismo.

Origem

Mikao Usui conhecido no Japão como Usui Sensei, é o fundador do Reiki. Nasceu no Japão em 15 de Agosto de 1865, numa pequena Vila chamada Taniai, Distrito de Yamagata, Prefeitura de Gifu.

Segundo as investigações de Frank Arjava Petter, reveladas no seu livro em parceria com Walter Lübeck e William Rand, “The Spirit of Reiki”, “O Espírito do Reiki”, Usui quando era jovem, estudou Kiko, a versão japonesa do Chi Kung (uma arte oriunda da China que melhora a saúde através de meditação, exercícios de respiração e exercício em movimento), num templo de Budismo Tendai, no Monte Kurama, Norte de Kyoto.

Nas práticas do Kiko usa-se a própria energia vital para a cura de outras pessoas, ficando o doador dessa energia desvitalizado, algo que não foi do agrado de Mikao Usui e que lhe teria feito nascer a semente do Reiki.

Segundo William Lee Rand (no mesmo livro), Usui viajou por todo o Japão, China e Europa em busca de conhecimento nas áreas da medicina, psicologia, religião e desenvolvimento espiritual. Numa dessas etapas, juntou-se a um grupo designado Rei Jyutu Ka, onde a sua formação acerca do mundo espiritual foi fortificada. Todo o intenso e continuado interesse no conhecimento teriam criado as fundações da incrível bênção que deixou à humanidade posteriormente, o Reiki.

Sensei Usui era casado e pai de dois filhos. A sua formação e clareza mental ajudaram-no a conseguir um emprego como secretário de Shinpei Goto e a se tornar responsável por um Departamento de Saúde e Bem Estar. Nesta época, ele conheceu muitas pessoas influentes de todo o Japão e abriu um negócio por conta própria que por algum tempo funcionou com bastante sucesso. Em 1914, com seu negócio em declínio, Usui passou por algo que poderíamos hoje chamar de “crise existencial” e decidiu abandonar sua vida secular tornando-se um monge budista (no Budismo existe a possibilidade de ser monge apesar de ser casado ou pai de família).

Voltou então ao Monte Kurama, onde tinha estudado Kiko quando jovem e iniciou seu retiro de vinte e um dias, Durante o retiro, Usui jejuou, cantou, orou e meditou. Uma dessas meditações poderia ter sido o ato de ficar debaixo de uma cascata do Monte Kurama com a água a cair sobre a cabeça, para abrir e purificar o “Chakra da Coroa”, uma prática que é efetuada ainda hoje pelos monges do Templo onde ele estava.

No final do retiro, em Março de 1922, Mikao Usui teve a sua experiência de Satori (Iluminação) onde aprendeu a forma correta de utilizar a energia vital (Ki) para a cura, sem ficar desvitalizado.Pelo que consta em uma entrevista do próprio Usui extraída do livro “O legado do Dr Usui “ de Frank Arjava Petter ,o sensei Usui teria passado por uma experiência mística que o teria levado a percepção da Energia Reiki.

Vejamos um pequeno trecho da entrevista:

“Enquanto jejuava, entrei em contato com uma energia intensa e, de um modo misterioso, fui inspirado (recebi a energia Reiki ). Tornou –se claro para mim que eu recebera a arte espiritual de cura” …

Mikao Usui teria ficado inconsciente durante algum tempo. Depois de voltar à consciência plena, percebeu que algo diferente havia acontecido com ele e que suas capacidades de cura também haviam se ampliado de forma intensa.

Hoje essa técnica é denomina Reiki

Usui Sensei (como era chamado por seus alunos), usou suas novas habilidades de cura para ajudar os outros e por aproximadamente sete anos, trabalhou com os pobres de Kyoto.

Em 1922 ele se mudou para Tóquio e criou o “Usui Reiki Ryoho Gakai” que significa: “Usui Reiki Sociedade de Cura”, um sistema de desenvolvimento pessoal voltado para a cura e visando a iluminação daqueles que o praticassem. O intuito da sociedade, era de que o conjunto de práticas e ensinamentos fossem vivenciados de forma prática e em grupo. Ele abriu uma clínica onde dava tratamentos e aulas.

É importante ver que a prática do Reiki é muito maior do que simplesmente um sistema de cura por imposição das mãos.

Uma crença pregada pelo Budismo é que todos os seres humanos tem total compreensão da nossa natureza Divina, mas estamos desconectados desse conhecimento e estamos inconscientes da nossa própria condição de Budas (Deuses). Além disso, também podemos nos tornar seres iluminados durante a nossa existência terrena, e ajudar outras pessoas a alcançarem o mesmo estado.

Mikao Usui desenvolveu o sistema de Reiki para que as pessoas dispusessem de um método simples para religar-se com sua espiritualidade interior. Nunca foi sua intenção original enviar um sistema de cura para o mundo. A cura com as mãos era apenas um aspecto das suas ideias iniciais, as quais foram influenciadas por diversos sistemas de crença e filosofias tradicionais da época no Japão.

As aplicações do Reiki

O reiki pode ser utilizado para a autoaplicação e em outras pessoas, objetos, animais, ambientes e até mesmo plantas.

Quando se aplica o reiki, não só quem está recebendo, mas também o praticante, se beneficiam desse processo. Para aplicar o reikiano impõe as mãos em pontos específicos (chakras) ou onde intuir.

Tudo isso ocorre sem que haja perda de energia (KI) por parte do reikiano, uma vez que essa energia usada não é dele, mas sim do universo, logo não existe desgaste. 

Afinal de contas, o seu principal objetivo é trazer a harmonia e o equilíbrio em alguma área da vida. 

Aplicar Reiki é benéfico também para quem está aplicando porque a energia pessoal gasta é automaticamente reposta. Após tratar muitas pessoas, por mais que estejam doentes, o reikiano geralmente se sente mais energizado.

Existem dois pré-requisitos para alcançar tudo isso:

– A sintonização tradicional para abertura dos canais e ativação dos centros energéticos (chakras);
– O tratamento regular (autoaplicação).

Onde aplica?

O Reiki é aplicado nos setes chakras:

  1. Chackra base;
  2. Chackra esplênico;
  3. Chackra do plexo solar;
  4. Chakra cardíaco;
  5. Chackra laríngeo;
  6. Chackra frontal;
  7. Chackra coronário.

Isso porque a nossa energia ki no qual o Reiki harmoniza está localizada no segundo corpo, que é o corpo do energético (como visto em nossa postagem sobre os corpos sutis), sendo ele bem próximo do corpo físico, mas é áurico.

Desse modo, ele tem a forma humanoide, tem todos os órgãos, todos os sistemas, só que é espiritualmente.  

Então, o reiki atua a partir de lá e esse corpo é a morada dos chackras, que são as rodas, conceituadas como centro de forças

Benefícios do Reiki

Muitos sãos os benefícios dessa técnica, dentre eles é válido mencionar:

  • Diminui o estresse e ansiedade;
  • Aumenta a criatividade;
  • Estimula o equilíbrio emocional;
  • Aumenta o autocontrole;
  • Combate a insônia;
  • Fortalece o sistema imunológico;
  • Trata as dores crônicas.

Falando aqui em benefícios é interessante citar que o Reiki não possui contraindicações, sendo uma terapia reconhecida pelo OMS e que pode ser utilizada como complementar a outros tratamentos.

Quer se tornar um Reikiano?

Que legal 🙂 !!!

Te convido a participar do nosso curso introdutório gratuito de Reiki, para participar clique aqui!

Lá você irá ter acesso a mais de 20 aulas gratuitas e vai conhecer mais profundamente essa técnica maravilhosa!


Tags

o que e reiki


You may also like

{"email":"Email address invalid","url":"Website address invalid","required":"Required field missing"}

Direct Your Visitors to a Clear Action at the Bottom of the Page

>
Importante: Este site faz uso de cookies que podem conter informações de rastreamento sobre os visitantes.